O poder da estatística, ou como você é tão previsível 2

No mundo de dados abundantes, como disse Hal Varian, saber tratá-los e interpretá-los (bem) torna-se cada vez mais fundamental, e a (boa) estatística já se torna a profissão sexy da vez.

As aplicações são as mais diversas: desde prever, pelos hábitos de compra, quando sua cliente está grávida e quando o bebê irá nascer; passando, também, por utilizar buscas do Google para fazer “previsões em tempo real”; até prever o resultado de duas eleições presidenciais.

Sobre este último ponto, o livro do Nate Silver ainda estava na minha wish list, esquecido… mas, depois do animado post do Drunkeynesian, venci a procrastinação. Livro comprado – comentários em breve eventualmente!

One thought on “O poder da estatística, ou como você é tão previsível 2

  1. Pingback: Diga-me o que curtes e te direi quem és: o poder da estatística, ou como você ê tão previsível 3 | Análise Real

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s