Entrevista com David Smith do Revolution Analytics


Ok, peço perdão aos leitores que não são tão interessados assim em R. Mas as séries de entrevistas do Eduardo estão muito legais; então, provavelmente, veremos mais alguns desses posts por aqui. Desta vez, o entrevistado é David Smith do Revolution Analytics , empresa que tem uma versão do R direcionada para necessidades corporativas – o Revolution R Enterprise.

David fala um pouco sobre a recente transição do R do mundo acadêmico para o mundo empresarial, sobre a comunidade do R, sobre reproducibilidade entre outros tópicos. É uma entrevista curta, de menos de 15 minutos, vale a pena assistir.

Outra dica legal é o canal do youtube do próprio Revolution Analytics, com diversos webinars voltados para análise de dados.

 

Entrevisa com Tal Galili – criador do R bloggers.


Seguindo a sequência de vídeos relacionados ao useR! 2014, Eduardo agora entrevista Tal Galili, o criador do R Bloggers, o agregador de blogs sobre R que facilita a vida de muita gente.

Se você usa ou quer começar a usar o R e ainda não adicionou o R Bloggers no seu Feedly, não deixe de fazer isso hoje.

Gráficos interativos com ggvis – apresentação do useR! 2014


O pessoal do RStudio apresentou, no useR! 2014, um novo pacote que integra a gramática de gráficos do ggplot2, a sintaxe intuitiva do magritrr, e a interatividade web do Shiny: o ggvis (clique no link para ver exemplos).

Abaixo, segue a apresentação do Winston Chang, disponibilizada pelo datascience.la.

O material da apresentação pode ser encontrado aqui.

Artur Avila ganha Medalha Fields! E encontro de complexidade no IPEA.


Duas notícias que tenho de compartilhar:

A primeira – que você já deve ter visto mas que ainda assim vale reforçar – é que o brasileiro Artur Avila ganhou a Medalha Fields!

Já a segunda é que, agora no começo de setembro, haverá o Seminário Internacional Modelagem de Sistemas Complexos para Políticas Públicas no IPEA.

Entrevista com Max Kuhn


O datascience.la liberou mais uma entrevista do useR! 2014: dessa vez com Max Kuhn, autor do pacote de modelos preditivos caret e do livro Applied Predictive Modeling.

Max Kuhn também deu um tutorial na conferência: e o material deste e de outros tutoriais você pode conferir aqui.  Outros vídeos do datascience.la, como a palestra do John Chambers e a entrevista com Hadley Wickham, você pode conferir aqui.

useR! 2014 – Palestra do John Chambers e entrevista com Hadley Wickham


Eduardo Arino de la Rubia acabou de me informar que, hoje, entrou no ar o site datascience.la, e já com dois vídeos interessantes decorrentes do useR! 2014: uma palestra do John Chambers e uma entrevista com Hadley Wickham.

Após o primeiro dia de tutoriais, o segundo dia da conferência se iniciou com uma apresentação de John Chambers (slides aqui e vídeo abaixo). Para quem não conhece, John Chambers é o criador da linguagem S (pela qual ganhou o prêmio ACM Software System) que se tornou o “pai” do R e atualmente é um dos membros do core team do R. O foco da palestra foi o de ressaltar o papel do R não como uma solução geral que tenta resolver todos os problemas, mas principalmente como uma interface geral que converse com outros instrumentos e ferramentas quando necessário (como, por exemplo, quando a base de dados é muito grande para caber na memória). Para ilustrar iniciativas com esta filosofia, ele citou três frentes em especial:

  • Interface com C++ e C++11, como já havíamos mencionado no post anterior. Os pacotes que têm recebido destaque nesta área são o Rcpp e Rcpp11;
  • LLVM, com o pacote RLLVM do Duncan Temple Lang.
  • Machine Learning em grandes bases de dados e o exemplo foi o H2O e seu pacote homônimo, mas em caixa baixa, para o R.

Confira a apresentação na íntegra abaixo:

 

Além disso, o Eduardo fez várias entrevistas interessantes no decorrer do encontro e agora começou postar os vídeos. O primeiro deles é com o Hadley Wickham e as perguntas estão excelentes. Vale conferir!

Comentário sobre o Workshop Internacional em Teoria dos Jogos


Não,os comentários não são meus, pois infelizmente não pude ir (por uma boa causa)! Mas, Adriano Teixeira relata um pouco sobre a experiência de participar de um workshop com vários ganhadores do prêmio nobel.