Estatística no Google


Jeff Leek do Simply Statistics trouxe uma entrevista bacana com Nick Chamandy, um estatístico do Google.

Destaque para a parte em que ele diz que, na maioria dos casos, o estatístico que trabalha no Google não é somente responsável por fazer as análises, mas também por coletar e tratar os dados brutos.

In the vast majority of cases, the statistician pulls his or her own data — this is an important part of the Google statistician culture. It is not purely a question of self-sufficiency. There is a strong belief that without becoming intimate with the raw data structure, and the many considerations involved in filtering, cleaning, and aggregating the data, the statistician can never truly hope to have a complete understanding of the data. For massive and complex data, there are sometimes as many subtleties in whittling down to the right data set as there are in choosing or implementing the right analysis procedure

Esta é uma reflexão importante, principalmente para os (macro)economistas, que dependem em grande medida de dados de terceiros e podem acabar não tendo intimidade com a produção dos dados e o grau de acurácia das medidas.

PS.: o Google realmente parece ser a empresa dos sonhos para quem quer conciliar teoria e prática. Além da entrevista acima, veja Hal Varian aplicando teoria dos jogos na prática aqui.

Anúncios

2 pensamentos sobre “Estatística no Google

  1. Pingback: Mais Google: previsões de gripe e de dengue em “tempo real” | Análise Real

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s