Votos e Bolsa Família: segundo turno!


Tem gente que reclama das urnas eletrônicas, com razão. Mas de uma coisa os pesquisadores não podem reclamar: nessas eleições, os dados ficam disponíveis quase que instantaneamente. E, com os dados do segundo turno em mãos, voltemos àquela relação que sempre gera polêmica –  percentual de votos versus percentual de pessoas beneficiadas pelo bolsa família (BF) por município (veja o post do primeiro turno aqui).

Por agora, e pela hora, vamos tentar responder apenas duas perguntas simples: (i) a relação entre votos e BF se manteve? (ii) há correlação entre o BF e a variação dos votos dos candidatos entre o primeiro e segundo turnos?

Quanto à primeira pergunta, a resposta é positiva, tanto no geral:

seg

Quanto por UF:

estados

 

Já com relação à segunda pergunta, o BF não parece estar correlacionado com as mudanças de votos por municípios:
primeiro_segundo

PS: vale lembrar que este blog frisa, constantemente, que correlação não implica em causalidade. Sobre este ponto, leia estes outros posts aqui.

useR! 2014 – Entrevistas com JJ Allaire e Joe Cheng


Excelente entrevista com o criador do RStudio, JJ Allaire. A combinação R+Rstudio certamente é um dos melhores e mais fáceis ambientes gratuitos para a análise interativa de dados, virtualmente sem competição se considerarmos usuários que não são desenvolvedores de software (a maioria). Sem contar os desenvolvimentos recentes de pacotes como knitr e packrat para reproducibilidade de pesquisas, ou shiny e ggvis para aplicativos web.

Aproveitando, vale a pena também ver a entrevista com Joe Cheng, engenheiro de software do RStudio, um dos responsáveis pelo shiny.

Via datascience.la.

Votos e Bolsa Família: correlação se mantém quando controlada por estado?


Fábio Vasconcellos e Daniel Lima fizeram alguns gráficos interessantes sobre a correlação de algumas variáveis socioeconômicas e o percentual de votos recebidos por cada candidato. Um deles – e que sempre suscita polêmica – é a relação entre percentual de votos versus percentual de pessoas beneficiadas pelo bolsa família por município. Segue uma reprodução do gráfico abaixo, feita no R com o ggplot2.

geral

Entretanto, esta relação me gerou a seguinte dúvida: será que a correlação se mantém dentro de cada UF? Por exemplo, Aécio ganhou em SP, SC e MT. Nesses estados, também houve correlação negativa do BF para o candidato tucano?

Aparentemente, sim, conforme pode ser visto no gráfico abaixo. E a separação por estado também indica que a correlação do BF com votos para Marina foi negativa em grande parte das UF’s. Um estado que chama a atenção é Minas Gerais, em que estas relações se parecem bem acentuadas.

estados

PS: vale lembrar que este blog frisa, constantemente, que correlação não implica em causalidade. Sobre este ponto, leia estes outros posts aqui.

PS2: os dados em formato rds (do R) podem ser baixados aqui.

Statistics – PSDB Style


Porque pau que bate em Chico, bate em Francisco.

Em sua Fanpage do Facebook, o PSDB inovou com um gráfico de escalas, digamos, heterodoxas:

Captura de Tela 2014-09-17 às 19.47.36

Note que a distância de Marina para Aécio (11 pontos percentuais) está menor do que a distância de 15 para 19 (4 pontos percentuais) do próprio Aécio . O gráfico com escalas ortodoxas ficaria assim:

psdb

Mais similares: Emir Sader/Emir Sader de novo/Fox News/Venezuela/Globo News

PS: veja pelo lado bom, é uma lição de como ver o copo meio cheio.

Dica do Marco Antonio!

 

 

Mapa de Imóveis de Vitória – Venda


Seguindo a retomada da análise dos dados de webscraping de  imóveis, resolvi colocar no ar também as informações de venda de apartamentos em Vitória – ES.

A oferta online fica em torno de apenas mil anúncios diários, sendo que muitos são anúncios duplicados com bairros diferentes, mas próximos (por exemplo, Barro Vermelho e Praia do Canto). Isto torna a limpeza dos dados um pouco mais difícil.

A oferta concentra-se em Jardim Camburi, Praia do Canto, Jardim da Penha e Mata da Praia. Algo que chama a atenção é a grande diferença do preço por metro quadrado de bairros tão próximos. Segue, abaixo, tabela com as medianas do Preço, Preço por M2, somente M2 e quantidade ofertada.

tableVix

Clique na imagem abaixo para acessar o mapa com a possível geolocalização dos anúncios. Lembrando que isto é um protótipo, pois este não é objetivo principal destes dados.

Se o mapa não aparecer na sua tela, provavelmente o seu navegador bloqueou a execução do javaScript. Procure por um cadeado ou escudo no navegador (canto superior direito ou esquerdo, geralmente) e autorize o carregamento do site.
vix

Mais dados da copa, jogo a jogo!


Qual a posição média dos jogadores na partida entre Brasil e Camarões? Como foram as jogadas de cada chute a gol? O Huffington Post, para cada jogo, traz esses e outros dados com gráficos interativos. Vale a pena conferir!

 

copaVia Cesar Hildago.

 

Visualizações dinâmicas dos investimentos estrangeiros no Brasil!


Os resultados do Censo de Capitais Estrangeiros no País, para o ano-base 2012, acabaram de ser divulgados no site do Banco Central do Brasil.

E, desta vez, o Censo trouxe duas novidades de visualização que merecem destaque:

Mapa do IED participação no capital, feito em D3.js:

Visualizar mapa

Treemap do IED participação no capital, com separações por país ou por setor, feito em D3plus.js:

Visualizar distribuição

Nas duas visualizações, vale a pena brincar com a distribuição do IED pelos critérios de país do investidor imediato e país do investidor final. Note que nem todas as combinações de país e setor são possíveis, pois esta abertura dos dados pode não estar disponível. O arquivo em formato xls pode ser baixado aqui.